Domingo, 13 de Março de 2005

Desempregado.

   Que paciência!...
   Se há números que todos os dias aumentam são os de pessoas desempregadas. E nos dias que correm quer haja boas habilitações ou referencias ou não, pelo menos parece que é cada vez mais difícil arranjar um emprego.


   Hoje juntei-me ao clube. Já há uns tempos que estava a pensar deixar o meu trabalho e procurar outra coisa. Realmente não estava satisfeito com ele, nem com o rumo que as coisas estavam a tomar, mas acabei enchendo. Já não me lembro quando foi a última vez que recebi o meu ordenado por inteiro, até que aos poucos começou a passar de um mês para o outro. Sem receber os ordenados de Janeiro e Fevereiro acabo com um cheque de 500 euros na mão, referente ainda a contas atrasadas do ano passado, mas sem provisão. Fico admirado com quem ainda tem cara para se ver todos os dias ao espelho e deixar «rabos» destes dependurados por todo o lado. Naquela empresa não fui o primeiro que suou as estopinhas para receber o seu dinheiro, e certamente não serei o último. enquanto o administrador/gerente/proprietário continua a viver na sua recém adquirida moradia em Sintra, a passear de Volvo e a fazer uma vida bonita à custa do meu dinheiro. Acabei de receber uma mensagem no meu telemóvel. O número já é meu conhecido: 707227276 - A Telepac alerta que tem facturas em atraso etc. etc. Desde que tratei do acesso ADSL para a empresa, que todos os meses tenho recebido uma. Desta vez, nem vou avisar. Hão-de descobrir. Entretanto vou tentando arranjar novo emprego e receber o que ainda me devem... É preciso paciência.
publicado por vkthor às 18:58
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Cecilia a 14 de Março de 2005 às 01:46
Caro colega de infortunio,

Bem vindo á estatistíca dos desempregados das telecomunicações!

Eu trabalhava num outsoursing, a principio tudo corria bem, mas em setembro foi despedida metade da equipa comercial alegando que não vendiam a partir daí foi o caos, restruturação da equipa, e vendas na ordem dos 75% daquilo que a empresa se tinha comprometido a fazer num ano, tinhamos contratos mensais que aos poucos alguém se esqueceu de renovar...e comissões de meses por pagar.
Algumas pessoas saíram,( o projecto era para acabar em Dezembro e não acabou) às que ficaram prometeram a continuação do projecto, durante esse mês e Janeiro inteiro todos iamos "trabalhar" sem nada para fazer, continuaram a pagar-nos...e esqueceram-se de nos renovar os contratos ou de falar connosco.No final de Janeiro quem já não tinha contrato não recebeu, chamaram-nos para fazer contas e deixaram "cair" 15 dias.Não tive alternativa...senão chamá-los à razão e lá me pagaram o que deviam. Estou em casa mas estou feliz, aqui ao menos sei que não estou a fazer nada e ninguém me vem ludibriar.
Outro emprego virá e espero que ao menos esse tenha o que fazer.Espero que também encontre algo consistente em breve.
C


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. Filho pródigo...

. Telefonema a meio da noit...

. ops

. Iconomaker 3.0

. Está a andar...

. Outra resolução

. Aguentei a segunda...

. Falhou logo à primeira...

. Foi há quase um ano...

. Quase... quase...

.arquivos

. Março 2007

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Maio 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds